sábado, 22 de novembro de 2008


- Quero uma licença para apanhar míscaros. É aqui?
- Míscaros?! Não. Não precisa de licença para isso!
- Não? Então disseram-me que sim. Fui tirar licença de uso e porte de arma e tudo! E agora diz-me que não é preciso?!
- Mas o senhor quer apanhar cogumelos com caçadeira?!
- Quais cogumelos? Eu disse míscaros! Míscaros são pássaros que a natureza nos dá!
E ainda remoeu entredentes, que:
- Esta gente da cidade!...

Que míscaros fossem pássaros eu nunca tinha ouvido dizer. Mas a parte interessante mesmo foi aquela do "que a natureza nos dá". Alguém que trata "os da cidade" como aliens, que pensam que os pássaros são fabricados num complexo industrial algures na China:

7 comentários:

kuka disse...

E não são?

Patricia Lousinha disse...

Aposto que "esses" míscaros têm cheiro a contentor...

A Senhora disse...

Miscaros?! Vixe! E ele ia matar os passarinhos que a natureza DÁ? Isso não é ir contra a lei? Pelo menos contra a lei da natureza? ;)

mfc disse...

Pois... há de tudo!
Mas míscaros, salteados na sertã com alho e sal...huummm!

Castanha Pilada disse...

Kuka, são o quê? Cogumelos, certo?

Lol Patrícia, credo! Piorou! :)))))

Senhora, caçador atira em tudo o que mexe. Até um dia acertarem no primo.

mfc, já está a sair?

Emiele disse...

E que tal aconselhar a usar antes uma rede, em vez de espingarda. Os gambozinos também se caçam de rede, né?

(afinal o que é que ele queria dizer? obviamente não eram míscaros, se eram pássaros, que pássaros seriam?...)

Castanha Pilada disse...

Como dizem os espanóis, NPI, Ni puta idea!