sábado, 6 de junho de 2009

Embora eu me considere uma pessoa do tipo descontraída, estou sempre a concluir que "Ai afinal não sou nada!", quando me deparo com pessoas que são MESMO descontraídas.
É o caso duma colega minha que, tendo-lhe surgido um problema de fungos numa unha do pé, foi a um posto médico.
- A senhora tem que tirar os collants - disse-lhe o médico.
- Ai "sôtor", que chatice! Não me apetece nada! - respondeu ela muito despachada - É que estes collants ficam-me tão grandes que eu até vesti as cuecas por cima para não me caírem!... Olhe, fazemos assim!
E começou a rasgar os collants a partir da ponta, ficando imediatamente com o pé de fora.
Quando nos contou a história nós, com uma grande barrigada de riso, ainda lhe perguntámos:
- Oh mulher! E então como é que vieste embora com os collants rasgados?
- Então? Rasguei também no outro pé e faz de conta que eram uns calções!

7 comentários:

Mariquinhas disse...

Abençoada descontracção! Pode não dar felicidade mas, ajuda muito!

( eheheh, "esta", só de fralda...)

A Senhora disse...

Fiquei a imaginar a cara do médico! :))))

Miepeee disse...

Ha quem nunca se enrasque :)

Castanha Pilada disse...

Mariquinhas, é naquela base de "quanto mais inconscientes mais felizes". Digo eu.

Senhora, eles devem levar com cada uma!

Há mesmo Miepeee, eu nem sei se isso será normal.

Emiele disse...

Desenrascada e despachada, que logo a ideia do rasgar a meia já é arrojada. Imagino que nunca me passaria tal solução pela cabeça!!!!

Paula Raposo disse...

Ah ah ah gostei desta! Beijos.

Castanha Pilada disse...

Emiele, nem a mim. Morria de vergonha.

Paula, até nós, quando ela contou!