sexta-feira, 5 de junho de 2009

Eram dois homens muito bem dispostos mas que cheiravam pior do que ao pé da jaula dos macacos no jardim zoológico. Cada um deles exibia, quase com orgulho, duas manchas de suor fora do prazo de validade debaixo dos braços sobre as camisas garridas. Vinham pedir licença para organizar uma festa de S. João no bairro social onde moravam.
- A Junta de Freguesia organiza isto em parceria convosco? - perguntei, antevendo uma desagradável surpresa quando chegasse a altura de cobrar o papel - É que se organizar, nós não cobramos a licença.
- Claro que organiza! - berrou logo o mais pequenito, de olhos azuis sob pestanas farfalhudas - Ai dele (o presidente da junta, entenda-se) que não participasse! É ele que paga a sardinha, o tinto e empresta as bancadas! É que se ele dissesse que não, era assim: Em Outubro "pusíamo-lo" já de lá para fora! É que era limpinho! A freguesia tem dez mil eleitores, cinco mil moram no bairro e fazem o que a gente "mandamos"! Isso é que era bom!

Que linda é a democracia!...

9 comentários:

Mariquinhas disse...

E, se, não, em "Outubro", ele diria:
- "Eu é que sou o presidente da junta!"

Miepeee disse...

Ainda tomavamm a junta de assalto :)

Taralhoca disse...

O povo a pôr a política na linha! Têm o meu voto. :)

Castanha Pilada disse...

Ai Mariquinhas, Portugal tem uns dez milhões de presidentes da junta em potencial.

Miepeee, não me admirava nadinha!

Taralhoca... estás a reinar não estás?

Intruso disse...

pelo menos dá para fazer estes posts macacos para nos rirmos... :)

Castanha Pilada disse...

Pois. :)))

Emiele disse...

E nem precisas de garantir que a história é verdadeira, que a gente acredita.
Mesmo que isso não fosse como ele dizia, basta o ter a lata de o dizer assim em voz alta para já arrepiar!!!!

Paula Raposo disse...

As tuas histórias são o máximo!! Beijinhos.

Castanha Pilada disse...

Emiele, eles têm lata para tudo!

Obrigada Paula, faz-se o que se pode, lol!