quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Numa cidade portuguesa do norte, num daqueles autocarros turísticos, aconteceu este episódio que nos leva a concluir uma de duas coisas:.
1. O guia turístico estava de férias, ou doente, ou tinha sido despedido
2. Não há guia turístico.

Isto porque, depois de termos passado por igrejas, edifícios monumentais e outros pontos de (suposto) interesse, em total silêncio, com toda a gente a perguntar-se o que seria aquilo e porque ninguém explicava nada, eis que o motorista pegou no microfone para anunciar:
-Agora, à vossa direita, vai aparecer o Intermarché!

12 comentários:

Mariquinhas disse...

Eheheh, o homem esforçou-se!
Eu nem sei se ainda existe o Intermarché e já agora Castanha a pronúncia era boa?:)))

A Senhora disse...

Em Lisboa, o "computador de bordo" devia estar avariado. Então, o motorista, de tempos em tempos dava um soco no pobre para voltar a imagem ou seja lá o que fosse, porque nem os fones de ouvido funcionavam. As outras duas guias, que eestavam à bordo, deviam estar definitivamente em férias e adorando papear com o motorista.
Eu tirei fotos do que quis. :) E acredito que os outros passageiros também.

Castanha Pilada disse...

Mariquinhas, era pronúncia do norte, então?

Ai Senhora, esse pessoal que vive de férias mesmo quando está no serviço põe-me fora de mim. Se eu lá estivesse era capaz de haver cegada. E o meu marido? Ui, nem quero imaginar!

Sininho disse...

o sr foi querido,
imagina que alguém queria comprar qualquer coisita?, ou mesmo ir à wc?
lol

Castanha Pilada disse...

Se calhar foi isso, lol!

kuka disse...

Pessoal exigente! Se o homem o homem se metesse a descrever todas as igrejinhas e capelas, diriam: Este gajo não se cala com esta lenga-lenga? Preciso é de um sitio onde se possa comprar alguma coisa para dar ao dente!
Nunca estamos satisfeitos!

A Senhora disse...

Kuka, até concordo com você! :) Eu adorei ficar tirando fotos do que queria, ao invés de tirar fotos do que o suposto guia mandaria.

Agora, parar para comer realmente... uma boa idéia! :))

mfc disse...

Claro... é o que está a dar!

Lá os preços para os museus são mais baratos!

Castanha Pilada disse...

Kuka, nunca me chegou aos ouvidos que esses autocarros parem para o pessoal dar ao dente, mas na volta...

Senhora, eu só me lembro de ter andado numa coisa dessas em Sevilha, mas mesmo com guia fotografei o que me apeteceu!

mfc, pronto. Perante tanta unanimidade, assumo a minha derrota.

Miepeee disse...

Igrejas e monumentos ha em todo o lado, Intermarche ja nao e assim, ate porque e estrangeiro :)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

A isso se chama publicidade encapotada. Quanto receberá de "royalties" para dizer essa frase?

Castanha Pilada disse...

Miepeee, mas o que eles dizem na publicidade é que há em todo o lado! Ou é o minipreço? Já nem sei...

Carlos, era capaz de apostar que ainda paga... quando lá vai.