segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

- Eu nem tenho tempo para sofrer!...
Soou-lhe bem. Com impacto e dramatismo. Por isso repetiu, mas com pausas teatrais:
- Eu!... Nem tenho tempo!... Para sofrer!
Disse aquilo com a pose de protagonista de telenovela. Tanto, que por momentos cheguei a vislumbrá-la a preto e branco. Os seus interlocutores puseram um ar consternado. Isso encorajou-a a continuar o relato da sua saga. No entanto, a reacção dos ouvintes não significava, de facto, consternação. Era apenas o reconhecimento íntimo de que se encontravam perante uma daquelas pessoas a quem tudo corre pior do que às demais e disso tira um prazer masoquista inexplicável. E que por isso não vale a pena contrariá-la. Se nós tivemos 39º de febre, ela teve 40. Se partimos uma perna, ela também partiu mas com fractura exposta. Se os nossos filhos tiveram sarampo, os dela tiveram sarampo duas vezes. Se o nosso carro avariou, o dela está irremediavelmente perdido. Se a nossa mãe morreu, a dela morreu, levantou-se e voltou a morrer.

7 comentários:

lost disse...

É incrivel como o bom portugues só está bem, se o mal próprio for pior que o do outro...depois tambem há o outro lado, que o que tem tambem é sempre melhor que o que o outro possui... povo estrannnhooo.....

p.s.- é um livro! ;)

Castanha Pilada disse...

Ah! :) E também quero!

Emiele disse...

Conheço mais de uma pessoa com esse síndroma.
Se isso a faz feliz...!

Taralhoca disse...

Se não é para o bem é para o mal. O que importa é ficar por cima. :)

A Senhora disse...

Mas eu já contei da minha vizinha? É mil vezes pior!!! :) :)

Miepeee disse...

Credo ha pessoas que so estao bem a queixar-se e quando ouvem alguem a elas teve de acontecer 1000 vezes pior. Nao ha pachorra.
A minha avo tinha a mania que tinha as doencas todas e quelhe doia tudo, uma vez perguntei-lhe se nao lhe doia o rabo e ela disse que sim ....ahahah
No entanto morreu com 92 anos, sempre a queixar-se de males que nunca teve e que eram sempre piores do que os das outras pessoas.

Castanha Pilada disse...

Emiele, é uma mania nacional. Digo eu.

Taralhoca, e depois o problema é que a gente não curte ppl desse por cima...

Senhora! Muda de bairro!!! Isso é contagioso! :))))

Sim Miepee, também têm essa característica: duram mais que os outros todos!