domingo, 18 de janeiro de 2009

Estive há tempos numa daquelas formações em que nos calha um formador do tipo "sambinha duma nota só". Daquelas em que, ao fim da primeira meia-hora, metade da sala já cabeceia travando bruscamente quando acorda a meio da queda, e outra metade tenta ocupar-se com alguma coisa que a impeça de dormir, como por exemplo sentar-se numa posição desconfortável ou ir discretamente à casa de banho. Eu, optei por fazer desenhos no manual fornecido.
Algum tempo depois, porém, perante a inevitabilidade de ter que executar as tarefas que supostamente tinha ido aprender, vi-me na contingência de lançar o isco a uma reunião com um especialista na matéria para "tirar dúvidas". Ele acedeu, prestável e simpático, mas pediu-me para levar comigo o manual da formação. No dia e hora combinados lá fui eu, cantando e rindo, sem sequer me lembrar da bonecada vária que tinha criado.
Então, quando ele começou a desfolhar o manual e se sucederam imagens de monstros desajeitados com a língua de fora, plantas carnívoras engolindo homenzinhos assustados, teias habitadas por aranhas com cabeças humanas e árvores de natal arraçadas de bichos vários, ele não se conteve:
- Esta formação foi chatinha. Não? - disse-me com um sorriso indisfarçável e provocador.
E eu, zangada por ter deixado tão estupidamente que aquilo acontecesse, e sem saber muito bem como me defender, perante uma árvore de natal com orelhas desenhada a BIC azul por cima dum decreto-lei, enterrei-me ainda mais:
- É que... estávamos quase no natal. Era o espírito da época...

11 comentários:

A Senhora disse...

:))))))

Mas ele foi simpaticíssimo!! :)))

Miepeee disse...

E quando e Natal ninguem leva a mal :)
Nao percebo como e possivel haver certos formadores que passam no curso de formacao.
Quando apanho um pela frente, aproveito e durmo.

Vap disse...

O espírito natalício dá jeito para quase tudo!

Castanha Pilada disse...

Senhora, até foi. A parva fui eu.

Miepee, também não sei. Mas acho que por cá o curso de formação é sempre complementado com uma cunha no sítio certo.

Vap, não estou bem a ver... mas na volta até dá.

Monday disse...

eu costumo dizer que, se pisou na lama, afunda até o joelho ... ao menos terá valido a pena ...

Castanha Pilada disse...

Nunca tinha ouvido essa mas é bonita! :)))

Emiele disse...

O que impressiona é que não têm a menor noção de que estão a ser chatos e a 'desmotivar' as pessoas. Já me tem acontecido (do outro lado da sala) haver colegas que depois da formação me perguntam se me parece que correu bem, e eu fico completamente entupida porque nem sei como responder sem ser cínica, ou malcriada. [porque, por exemplo, tinha ouvido na casa de banho desabafos do tipo «lá ler os slides a gente também sabe»!!!)

Emiele disse...

(não sei se quando disse 'do-outro-lado-da sala' ficou entendido que estava a pretender falar da perspectiva de 'formadora' ... ou colega da dita)

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Vá lá, safou-se bem. Ele terá acreditado no espírito natalício?

Pedro Aniceto disse...

Oh "jóve", os manuais só se desfolham quando estão a ser rasgados e deitados para o lixo. Na situação descrota, folheiam-se. Abraço

Castanha Pilada disse...

Emiele, é não é? É tramado...

Carlos, acho que não...

É a idade Pedro, é a idade!