terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Por favor, digam-me que toda a gente, em alguma altura da sua vida, fez isto. Há muitos anos, no início da minha vida profissional, quando ainda tinha filhos pequenos que me faziam a cabeça em água de noite e de dia, saí para trabalhar de saia comprida de pregas em xadrez azul-escuro e beje, blusa e pullover azul-escuro por cima... e de pantufas azul-turqueza debruadas a cor-de-laranja.
Quando entrei na repartição, tive aquela estranha sensação de estar demasiado confortável. Olhei para baixo e vi a minha figura. Sentei-me na secretária, amuei, e recusei-me a levantar dali até à hora do intervalo de almoço. Durante toda a manhã os colegas tiveram que me trazer tudo: Livros, papéis, carimbos, tudo, enquanto se riam por dentro que nem uns perdidos e por fora só com os cantos dos olhos.

16 comentários:

A Senhora disse...

:))))))))))

Eu já fiz! Nós íamos viajar e eu só percebi que não tinha colocado os sapatos e tinha vindo com um tamanco hiper-confortável, mas gritante, na primeira escala do avião, quando resolvi cruzar as pernas no saguão do aeroporto, num lugar mais espaçoso do que as cadeiras do avião. :)))

bjs.

PS: Já é a segunda vez que levo susto com a sua "música ambiente".:))))

Castanha Pilada disse...

Já mudei!

Vap disse...

Pior que isso é tirar o sapato e ter a meia rota, com o dedão à janela.
Não que já me tenha acontecido, mas já assisti...
Perante isso a sua pantufa é um luxo!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Depois de ler este post, o melhor mesmo é sair... de pantufas, para não se ouvirem as minhas gargalhadas.

A Senhora disse...

:))))))))))))))
Adorei a música ambiente!!!
:))))))))))))

Anónimo disse...

prometo que é só mais uma coisita...
Os toca rufar são excelentes, como músicos e cmo grupo com uma filosofia de "vida musical" fantástico. Boa escolha.
estou a "ver" que contigo o que é nacional é bom! Parabéns

teresa

cexy disse...

Epah,pantufas não, mas lembro-me do tempo em que sair à rua de chinelo de enfiar no dedo não era nadaaaaaaa aceitavel. E era assim que eu andava por casa até à hora de sair para a escola. Numa tarde enquanto fechava a porta uma amiga perguntou-me com ar sério :" Vais sair assim???". Depois de ficar ofendida por achar que estava mal vestida percebi que estava de chanatas. Ah, a meia rota no dedão em plena sapataria também já me aconteceu :S
Besitos

Monday disse...

bom, eu descobri que minha bermuda estava rasgada quando fui tirá-la pra dormir ... há vinte dias atrás, no final do ano ...

bem, a moça que comigo estava, se viu, calou-se ...

Emiele disse...

Creio que todos (todos será exagero, mas muita gente) passámos por distracções dessas.
Eu tive uma bem pior, não do ponto de vista do aspecto mas do meu desconforto: há muitos anos saí de casa para ir para a Faculdade com dois sapatos (sim) e os dois pretos (sim) e iguaizinhos (sim) mas fui todo o caminho a sentir-me esquisita e coxa. Já quase a chegar reparei que tinham alturas de saltos diferentes - um era de salto alto e outro de meio salto.
O ridículo é que eu que tinha ido a andar, de repente não fui capaz de dar mais um passo! Fiquei que nem uma estátua e tive de chamar um táxi para voltar a casa - e perdi uma aula!!!!


As tuas pantufas afinal eram confortáveis!

Taralhoca disse...

Lamento, mas a mim nunca me sucedeu. O mais próximo disso foi sair de casa sem pentear, mas assim como assim a diferença é pouca...

Miepeee disse...

Aconteceu a minha mae, toda aperaltada e de pantufas so deu por isso no carro mas tambem nao voltou para tras, porque quando chegou a outra casa tinha um par de sapatos a espera dela.

Castanha Pilada disse...

Vap, eu tinha uma tia que gostava de coser meias com linhas de cores contrastantes! Ficava lindo!!!

Carlos, eu agora também me rio! :)))

Ai Senhora ainda bem! Lol, não te assustaste?

Teresa, para mim muitas coisas que são nacionais são boas. Outras nem por isso. Mas deve ser assim com toda a gente...

Cexy, meia rota deve ser super sexy!!!

Oh Monday! Bolas! Já não dormias há quanto tempo???

Emiele, essa nunca me aconteceu, vá lá! :)))

Taralhoca, depende do cabelo que tens, depende!!!

Pois é Miepee, eu não tinha uns sapatos no emprego...

divagacoesaoluar disse...

É horrível quando nos apercebemos!! Acontece-me algumas vezes, mas normalmente reparo ainda dentro do prédio... Uma vez fui de pantufas (daquelas que se compram na Serra da Estrela) para a escola, fiz o caminho todo e só me apercebi já na escola!!Era ver-me voltar para casa quase sem levantar os pés do chão :D

Gi disse...

É agora que coisas absurdas me acontecem; quando era recém e jovem mãe, não.

mfc disse...

Ehehehehe... desculpa lá, mas conseguiste fazer-me rir!

Castanha Pilada disse...

Divagações, felizmente também só me aconteceu desta vez :)))

A sério Gi? Eu, nessa fase, era um vê se te avias...

Não faz mal mfc, rir é bom! :)))